1/23/2018

// tenho espondilite anquilosante e está tudo bem :)



| dez anos passaram-se desde que optei por um tratamento natural, para tratar a espondilite anquilosante. desisti da medicação alopática, optando pela medicina tradicional. iniciei a dieta sem amido e, ao longo dos dez anos que se passaram, fui complementando o tratamento com exercício físico e suplementos alimentares.

não foram dez anos em linha recta, muito pelo contrário. por vezes, tropeçava e muitas vezes, caía. e sempre que isso acontecia, nessas curvas da vida, eu silenciava e revia toda a rotina do dia-a-dia, até identificar o gatilho dessa crise... e aprendia sempre algo mais: aquele ingrediente que introduzira, teria de ser retirado; a preguiça prevalecera e eu tinha deixado de ir ao ginásio; excesso de trabalho... 

lembro-me, perfeitamente, do momento em que me apercebi que as emoções poderiam ter um papel relevante, no tratamento. eu já seguia a dieta há algum tempo, não falhava com o exercício físico, mas... estava com uma das piores crises que já tivera. então, fiz, o que estava acostumada a fazer: silenciei e revi tudo o que se estava a passar à minha volta. depressa percebi que as minhas emoções encontravam-se, completamente, desequilibradas. percebi que, sem me dar conta, tinha permitido que a preocupação, a ansiedade, a angústia e até a raiva, derivados de problemas pessoais, me desviassem do meu caminho. 

perigosamente fora do meu centro - do aqui e agora - não foi fácil, regressar à estrada. contudo consegui. e, mais uma vez, com esse aprendizado, acrescentei algo mais ao meu tratamento: higiene mental.

e os anos foram passando, a vida foi acontecendo e no ano passado, mais uma curva apertada, mais um revés, na minha saúde. e silenciei. e revi dia a dia, acção ou falta dela, emoção a emoção. 

hoje, sei-me, novamente, centrada. ainda me encontro em recuperação, mas já sem dores. e posso dizer que, sim: graças a uma alimentação natural e cuidada, ao exercício físico diário e, principalmente, a uma boa administração das emoções e a uma higiene mental constante, tenho espondilite anquilosante e está tudo bem :) 

Sem comentários: